quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Independência do Brasil: Liberdade ou Maquiagem?


Hoje é um daqueles dias que repenso se devemos confiar na História. A historiografia retrata um fato histórico cheio de simbologia: o cavalo imponente e branco, a participação de grandes políticos da época e a coragem e destreza de D. Pedro I. Ninguém houve falar da massa popular ou de pontos que caracterizam a independência de uma Estado Nacional que pertence a um país europeu.

A palavra liberdade tão difundida na ideologia pregada do iluminismo e reafirmada com a Revolução Francesa, não faz jus ao que nossa história propaga de nossa independência. A coisa mais interessante é observar como os Estados Unidos comemoram sua independência, um feriado que sim, faz jus a palavra liberdade. Em nossa história vemos a maquiagem sendo colocada e repassada a nossos alunos de forma vergonhosa, vamos iniciar com uma observação ao quadro da Independência: o mesmo segue as características do quadro em que Napoleão aparece todo imponente, ao funda da pintura esta uma casa que somente existiu no final do século XIX e por ai vai. A história forjada e mentirosa não gera liberdade e a memória identitária vai se tornando algo artificial.

Ter orgulho de ser brasileiro é mais do que compreender sua própria história, é trazer a ciência a verdadeira essência do que se ocorreu, se ocorreu, não é mesmo? Uma carta de independência não temos, o que temos? Um quadro e uma história contada. Dizem que até mesmo o que se sabe dos gladiadores esta errado, quem dirá do pequeno e grande D. Pedro I.

Hoje é o dia de ensinar o respeito a uma pátria construída, de saber separar e nos ver como brasileiros e nação diante a um mundo em que as fronteiras da internet rompem as distâncias, num mundo em que todos falam a língua de todos, estamos vivendo o momento de ter noção do que é ser terráqueo e não somente um morador de um Estado Nacional. Busquemos hoje uma reflexão acerca do que apresentei e mesmo assim sintam orgulho de fazerem parte de um belo país, mesmo com dificuldade ele é grande!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estou optando por moderar os comentários e não poderão mais ser anônimos!